quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Stratovarius Evitando Inovações



Não bastassem os problemas de depressão e alcoolismo do ex-guitarrista Timo Tolkki, o Stratovarius passou por maus bocados no ano de 2010.

A banda finlandesa, considerada uma das maiores referências do Power/Speed Metal mundial, viu o afastamento do baterista Jörg Michael, devido a um câncer que o acometeu em 2010 e que apenas agora está controlado, com o batera garantindo seu retorno à banda para o restante da turnê.

A banda lançou o primeiro single de seu próximo disco “Elysium”, que tem previsão de lançamento para este mês de janeiro.

Em 24 de novembro de 2010 foi lançado “Darkest Hours”, EP/single que traz duas composições inéditas, a faixa-título e “Infernal Maze”. Ambas estarão no 13º disco da banda, que será o segundo com Matias Kupiainen no antigo posto de Tolkki (que começará novo projeto ao lado de nomes como do brasileiro André Matos). Aliás, Matias assina a composição de ambas as músicas.

As músicas do EP já estavam gravadas quando do afastamento de Michael da banda, mas parece que o grupo apostou em composições nada inovadoras. “Darkest Hours” em si tenta ser como qualquer música mais rápida da banda tem sido com a nova formação, sendo candidata a se tornar o hit do novo disco.

Em “Infernal Maze”, temos uma música fraca. Kotipelto possui uma grande voz, bastante única e original, que em canções mais melancólicas ou obscuras dá um show à parte. Mas nessa música a banda não consegue chegar nem perto de suas boas composições de outrora.

De bom mesmo para os fãs, temos a versão demo da faixa-título seguida de dois clássicos da banda gravados durante a “Polaris Tour” e que não estavam presentes no disco “Polaris Live” (2010), recentemente lançado. Trata-se de “Against the Wind” e “Black Diamond”.

O EP serve para mostrar aos fãs a possível proposta que encontrarão no novo álbum e, sendo isso positivo ou não, o que encontrarão é o mesmo som de sempre. Aliás, penso que a tentativa de soar mais moderno e Hard Rock no álbum “Stratovarius” (2005), que levou ao fim da banda, deve ter assustado mesmo o grupo e os fãs quanto a mudanças na estrutura e suas músicas.

Particularmente espero um álbum mais fraco que “Polaris” (2009). Tomara que eu esteja errado. Ficamos no aguardo.

Stay on the Road

Texto: EddieHead

Revisão ortográfica: Mr. Gomelli

Fotos: Divulgação

Ficha Técnica

Banda: Sratovarius

Álbum: Darkest Hours (EP/Single)

Ano: 2010

País: Finlândia

Tipo: Power/Speed Metal


Formação

Timo Kotipelto (Vocal)

Jörg Michael (Bateria)

Jens Johansson (Teclados)

Matias Kupiainen (Guitarra)

Lauri Porra (Baixo)


Tracklist

01 – Darkest Hours

02 – Infernal Maze

03 – The Darkest Hours (Versão Demo)

04 – Agiants the Wind (Ao vivo na Polaris Tour)

05 – Black Diamod (Ao vivo na Polaris Tour)

3 comentários:

@TioPhio disse...

Já vazou o cd já faz tempo, achei melhor que o Polaris.

EddieHead disse...

Opa. Sim, vazou na net. Mas em termos de lançamento oficial esta marcado pro dia 14 de janeiro.

As impressões que tenho visto de quem já ouviu são bastante positivas. Como falei na resenha, as músicas do EP não são nada demais. Estou curioso em ouvir a faixa-título, que a galera tem elogiado mto.

Vlw

Karen Waleria disse...

Excetuando as duas primeiras faixas,achei o àlbum superior ao Polaris.Muito boa a matéria,como sempre.#fã